domingo, junho 01, 2008

Caraça

O papagaio me adorou, mas me protegia contra a Thaís. Ele não gostou dela... eu devo ter cara de pirata, é isso!
>¨<

ps.: pra você Taty - papagaios... você estava linda!

2 comentários:

Anônimo disse...

O clima agora de manha lembra muito o frio daquele dia no jardim interno. Todo aquele caraça, antigo. a maria no final do corredor, o lobo, o mundo! obrigada pela lembrança.

beijo

Papagaio Mudo disse...

realmente, aquelas manhãs de frio são uma doce lembrança.

>¨<

lobo lobo bobo