terça-feira, agosto 04, 2009

ataque nervoso

Pura mistura
Um cachorrinho nervoso me dá a impressão de ter o cérebro bem maior do que o crânio. Um cérebro tentando se expandir. Enfrenta a mutação genética pela qual nós, humanos detestáveis e insalubres, criamos para satisfazer nosso ego e nosso gosto pelo belo, e transformá-lo em um canis lúpus bizarro e ordinário, um ser vivo. Não por estar em ordem, nem tampouco por ser absolutamente inadequado, inadequado à tentativa de criá-los dentro do armário (ou na varandinha) e eles defecam naquela posição dorsal e côncava... envergonhados. E alguns olham de lado evitando nosso olhar. Esses pequenos querem explodir quando se vêm confrontados com sua ancestralidade perdida. Mas tudo é simplesmente. A nossa apreciação do belo pode se candidatar aos aspectos mais inusitados. É como se se identificassem na rua e quisessem bater um papo. Um farejando a rua outro dentro do carro. Tantas raças que são a mesma raça, na excentricidade de tanta diferença tal como cada a venera, admira, e por sinal até os ama (por mais subjetivo que me caiba citar esse verbo) como membros da família que agem, mas não falam, latem quando muito. Muito e muitas vezes são como pessoas. Dono de seus donos sem serem donos de si. Seu lar é uma espécie metafísica de abandono poético entre a distância abismal da matinha e o apartamento de dois quartos, sala banheiro e cozinha. Todos eles voltarão à água e se tornarão lindas espécies de peixes a digladiar devorar e serem devorados, quando a Terra virar Água. Não restará nenhuma mágoa por termos tê-los transformado em bichanos mimados ou "a mais ou menos original e louca mistura de vira-latas"


6 comentários:

Gicelle Archanjo disse...

Tudo lindo, tudo lindo.

Foto linda desse pretinho!
saudades das suas postagens, fazem falta!

Papagaio Mudo disse...

não não

Gisele Freire disse...

Olá Gus!
Gostei do teu texto e muito do Paulo Autran!
Sensacional
Abraço
Gi :)

Gicelle Archanjo disse...

O gato sumiu! temos agora o cachorrinho bravo! Adorei o texto, sem palavras viu!
rs Ah Gus, sou comprometida... rs
beijos!

Karla disse...

comovente.
o post e os comentários.

Papagaio Mudo disse...

sdsdsdsdsdsdsdocampo&dotronco

>ºOº<
koala




>>º°<<
gato malvadão