quinta-feira, dezembro 23, 2010

Joel?


A possibilidade de limpeza absoluta é insuperável. Sendo ela como possibilidade extrema da existência, da necessidade, do sacrifício. Mas como evitar a aceleração da impossibilidade como sendo inautêntico à morte? Tornar-se auto-referente para libertar a perda da própria morte nas possibilidades da multidão e que através da compreensão e escolhendo as primeiras oportunidades verdadeiramente artificiais que estão abaixo da oportunidade insuperável. Acelerar abre em existência, como um possível extremo auto-sacrifício e a brisa enrijecimento e tudo lá sempre alcançando. Na batida da vida, eu me preservo de cair para trás, e meu poder ser compreendido "tornou-se velho demais para suas vitórias”. A meditação evita o caminho que se oferecia a uma interpretação da consciência. Em geral, na verdade, nunca entenderemos uma ou outra das competências da alma.

Um comentário:

Papagaio Mudo disse...

poxa... ninguém curte um papo assim... existencialista?