terça-feira, setembro 20, 2011



Sua língua é um pecado de anjo em meus lábios, seus lábios em minha língua, seu seio jovem duro e gelado - um suspiro. A descoberta da beleza. O sorriso da entrega. Me nega seu leite, mas como eu faço? Como eu danço? Como eu peço?



...

3 comentários:

Caiocito disse...

meu querido gusta,

A existência não pesa mais que uma xícara de chá de camomila, não fede nem cheira à hortelã ou tâmara que só uma língua hebraica conseguiria chupar até a ultima silaba.

Uma dia me perguntaram se eu acreditava em algum misticismo. Eu pensei que conhecemos pessoas com ilusões tão sólidas legitimando a vida em sua palavra, em seu jeito, nas seis gotas de adoçante no café. Que esse ilustres, magistrais e sublimes só pedem ser algo abissal de muito misticismo.

see ya, master

Caiocito

Ártemis Rae disse...

Não faça, não dance, não peça.
;D

Caiocito disse...

http://dublesdepoeta.blogspot.com/2011/09/guru-de-pijamas-hi-master.html