segunda-feira, dezembro 03, 2012

Vizualizar blog

Z

Volto a escrever. Como se isso interessasse a alguém senão a mim mesmo. Perdi esse hábito de confessar palavras ao papel há mais ou menos um ano. Colecionar sentimentos. Geralmente elas surgem quando a tristeza quer dizer alguma coisa que os sentimentos apenas não suportam. Por isso elas deságuam como vomição de vocábulo desarrolhado. Como se uma bomba fosse ateada ao vento suculento das ideias mais bárbaras e deliciosas que se quer dizer, entre vezes voltadas contra si mesmo. Escrevo não porque bêbadas brancas bacantes o beijam. Escrevo porque acima do homem ainda resta vontade vencer. Além de toda a contradição, quem é Papai Noel pra dizer o que é certo ou errado? Sigamos...

2 comentários:

Adriana Godoy disse...

Interessa sim. Gostei da notícia! E que a bomba exploda! Beijo

Gustavo Alvarez disse...

Adriana!

Pensei que houvera perdido todos meus leitores. Bom te ver por aqui! Nem sei descrever o sentimento que isso me desperta...
Grandissíssimo abraço.
Humildemente,

Gustavo