domingo, junho 30, 2013

poema das 4

Acesse o site
remover link
mostrar barra de favoritos
abrir em janela secreta
centralizar
alinhar à esquerda
alinhar à direita
reverter para rascunho
solicitar amizade
remover blog
excluir blog
salvar senha
esqueceu sua senha?
não lembro minha senha
inscreva-se
nível
forte
fraca
forte
mediana
ser trancado num cofre
ficar deitado na cama
deixar as cinzas voarem
no vento da multiplicidade
ficar bem no quentinho
fazer um carinhobão
tocar flautinha comilton
embora semsemi-ton
fá-zustenido na língua
vem comigo gatinha
deixa dar um jeitinho
vamos nesse caminho
vamos pra frente juntinho
grita vitória comigo
vem ser feliz
acesse o site
deita e role
beba o último gole
da taça
das lágrimas de fel
derrama mel da boca
seja meu amor
sempre

Nenhum comentário: