quarta-feira, agosto 07, 2013



Esse rap que eu fiz com meu compadre se chama bajulando exu

fala b-box

Eita zueira danada dos inferno
o gigante chegou
muita palha nesse fogo

meu amigo chega
de amolação
deixa de mutreta
larga esse pulmão
vai lá no maletta
fumá um do bão
que vai fazê igual
deixa esse moleque
andá na linha certa
ele tenta tudo
mas você solapa
se CE fosse vivo
eu te dava um tava
nessa rima pobre
vou mandano o verbo
vê se aparece
preu te ver de perto
se alfabetiza
seu seu analfa
beta-gama-alfa
delta-lambda-lambda
sái da nossa vida
vai cus mano certo
obssediar
não está correto
a fissura dele
e seu pensamento
junta numa obra
desmoronamento
exu vive no chão
Deus mora no teto
os mano da quebrada
fica olhando o céu
ação e reação
e fazeno verso
ele não é anjo
e você tá vendo
ele quer viver
a vida tá passano
tens o meu perdão
pode ir tranquilo
cama dele é quente
mas deixa de vacilo
qualquer hora dessas
ele bate as bota
qualquer hora dessas
ele pede asilo
ele tem convênio
e tá decido
que não vai morrer
nem ser demolido
deixa de ser mal
vai cuidá da “vida”
“vivé” plenamente
por mais um milênio!

[refrão]

andar na contramão
não compensa
viver a morte vivo
é a recompensa

Deus tá te esperando... uuuú
vê se pensa!

[bis]

Nenhum comentário: