sexta-feira, outubro 18, 2013

O que fazer?

Via seu vulto verde furtivo a investigar “a que equivale a aquele inquieto vivente?” que, além dos outros lagartos, seus rivais já derrotados; gaviões que do alto espiam; ariscos insetos opacos ou brilhantes, aqueles que avoam, ou cavam, ou correm bem depressinha, e que são seus viveres alimentícios; afora as insolentes caudalosas cobras e serpentes, que passam susto em gente e nas quais devia estar sempre atento com olhos multifocais... Capaz que jamais havia visto um bípede e seus trejeitos humanos que o caracterizam e o impelem a manipular esse trecho.



Nenhum comentário: