terça-feira, julho 29, 2014

por Pedro Lima

América que divide oceanos, aquele que homenageia atlas e aquele que não se cansa de pedir paz... tripa de terra com uma coluna no meio, os pés muito frios e a selva na cabeça... América, território encoberto, descoberto e sangrado, entorpecido continente de muitos conteúdos, fragmentos, unidades epicentro da Pangeia, mantido intacto, resguarda o índio, o elo, um átimo, transformado em potência, surpreendentes povos, donde se cultua a dívida e todo o azar da fé colonizada; a dúvida e todo o lixo do capital subutilizado, cultua a tua letra e as tuas marcas América que conta histórias e revela o que há e o que não há em comum entre cada um, daqui ou de acolá, receptiva a todas as matrizes que nutriram esse solo, elementos, sal da terrra, síntese e tese exposta, em pistas na feira... chupa que é del Plata!

Pedro Lima

Nenhum comentário: