segunda-feira, agosto 31, 2015

52

Confissões à Lua

meus dias de amanhã
feitos de vários ontens


concretização de coisas
cotidianas


e as horas vãs
preenchidas pelo medo
fazem a insanidade do tempo


me disse coisas ao pé do ouvido
coisas que eu
não posso entender


um lamento
um blues dolorido
lembrar do passado
me deixou entediado

Nenhum comentário: