sábado, março 11, 2017

O amor é um monólogo que se vive na sombra





Então eu me senti sozinho.

Sozinho na festa.

Se ninguém ama,

odeia ou detesta.

Dava pra fazer um cursinho.

Te como é star só,

sozinho, sozinho.


.

Nenhum comentário: