quarta-feira, janeiro 09, 2019

Brisa de amor sincero


Chega uma hora que nenhum ser humano aguenta. Se comparados a um planeta, erupções internas acontecem. Uma erupção vulcânica em um lugar que só a gente conhece. Desespero e a solidão procuram cama, procuram calor e o conforto de útero, aquele abraço que não recebeu, o beijo que se perdeu e os sorrisos, brisa de amor sincero... A lágrima escorre como lava e aquece o coração. Então, aos poucos, a erupção se acalma, e a alma também.

Nenhum comentário: