sexta-feira, fevereiro 15, 2013

Falar sem dizer



  • Não concebo mais racionalmente, não sei mais o porquê de eu ser um risco a mim mesmo.
  • O animal não tem propósitos, mas próprios.
  • O animal nunca causa danos a si mesmo.
  • Emoção, ela flutua entre consciência e sentimento físico.
  • Não conheço ambição.
  • Não passo mais por eles que não quero que me vejam. Protejo-me dos vivos e dos mortos.
  • A crueldade mora onde há um predador e uma vítima. 
     
  • Diminuto é o segundo que separa a lassidão do golpe.


Nenhum comentário: