segunda-feira, agosto 24, 2015

yes son?



Tempo estrutural


Tempo de encontrar uma razão pra viver.A propósito eu não gosto de usar essa palavra tempo para determinar hora, vez. Tampouco razão de viver sendo que sobrevivemos, em outras palavras, não temos escolha senão permanecermos, o que Descartes chamou de existência, até que nosso destino seja cumprido. Vejam que usamos esses eufemismos diários e a única certeza é nossos corpos são tangíveis e a única certeza é a impermanência. São únicas, no plural, e deve haver mais.Tempo de formular uma estrutura e segui-la. Seguramente não encontrarei felicidade, senão um pouco de equilíbrio que pode trazer tranquilidade que pode agir sobre meu cérebro ateu e inundar e preencher meus neurônios de prazer. Encontra-se equilíbrio. Procurar, buscar. Tudo metafísico. Como um barquinho à deriva no mar...

Nenhum comentário: